sexta-feira, 22 de maio de 2009

Jorge Vercillo estréia hoje em São Paulo


22/05/2009 - 07h50
Jorge Vercillo lança disco com influências de jazz em São Paulo


foto:Washington Possato/Divulgação

Décimo primeiro álbum da carreira de Jorge Vercillo, "Trem da Minha Vida" mostra os novos rumos que o trabalho do cantor e compositor carioca tem tomado. Nesta sexta-feira (22) e no sábado (23), ele leva ao HSBC Brasil (região sul) canções novas e sucessos --como "Fênix" e "Signo de Ar"-- com roupagem mais "jazzística", resultado de sua nova fase, apresentada no CD e no DVD gravados ao vivo.

"Eu sempre fui da turma dos melodistas, apegado aos acordes mais dissonantes da bossa nova, do r&b. Tenho como influência o Stevie Wonder, por exemplo. Então esse novo trabalho acabou se aproximando da sonoridade do jazz, que entra como mais um elemento nessas diversas paisagens pelas quais esse trem da minha vida passa. Do xote misturado com o reggae, passa pelo jazz, pela bossa nova altamente carioca, chega ao samba, parte para o pop, a disco"
, explica Vercillo ao Guia da Folha Online.


Em seu novo trabalho, aproveitou para incluir nesse novo disco, todo gravado ao vivo, aquelas canções que ficaram de fundo em seus discos anteriores. "Uma delas é a música 'Toda Espera', muito querida do meu público desde quando lançada no disco anterior ['Todos Nós Somos Um' (2007)], que entrou no show aos 44 do segundo tempo. Fiquei muito feliz de poder trabalhar uma grande música que ficou para trás, porque é um desperdício deixar esquecidos excelentes trabalhos", conta.


Renovação sonora


Para aproximar o jazz de sua nova rotina de trabalho, Jorge Vercillo trocou sua banda e a equipe técnica que o acompanhavam nos shows. Agora, o cantor sobe ao palco ao lado dos músicos Armando Marçal (percussão), André Neiva (baixo), Claudio Infante (bateria), Jessé Sadoc (trompete e fluguel horn), Glauton Campello (teclados), Bernardo Bosisio (guitarra) e Glauco Fernandes (violino).

"Apesar de eu já anunciar há um tempo a mudança, alguns fãs que eram muito apaixonados por aquela minha sonoridade ficaram um pouco chocados, principalmente quando a cortina do palco se abria e viam ali uma outra banda", comenta.

Um dos momentos mais descontraídos do show começa com a interpretação de "Camafeu Guerreiro", seguida do pot-pourri de coros populares, como "Eu Só Quero um Xodó" (Dominguinhos), "Todo Menino É Rei" (Roberto Ribeiro), "Alguém Me Avisou" (Dona Ivone Lara) e "Epitáfio" (Titãs). Nesta parte do show, ele convida os instrumentistas a cantar.
Pela primeira vez, Vercillo inclui no repertório uma música em inglês, no caso, o jazz "Tenderly", de Walter Lloyd Gross e Jack Lawrence.

Informações sobre o show:
O cantor e compositor Jorge Vercillo gravou seu primeiro disco em 1995, chamado "Encontro das Águas". O último álbum, "Todos Nós Somos Um" (lançado em 2007), contém 12 músicas que mesclam MPB e pop. (MPB)

Duração: 90 minutos
Classificação: 14 anos

HSBC Brasil:

R. Bragança Paulista, 1.281 - Santo Amaro - Sul. Telefone: 4003-1212.

Aceita os cartões Amex, Diners, MasterCard, Visa.

Ingresso: R$ 50 a R$ 120 (estudantes: R$ 25 a R$ 60)

Quando: Dias 22, 23: 22h


Não aceita cheques. Aceita reservas. Vende ingresso pelo telefone. 1.800 lugares. Valet (R$ 20).


Um comentário:

  1. Andressa Alves Ferreira30 de maio de 2009 19:33

    Eu fui!!!!!!!!!!!!! E foi o melhor show da minha vida!

    ResponderExcluir

gostou? comenta aí!! bjos!